sábado, 15 de dezembro de 2012

Programação de Sábado do Festival Quebramar!


#Programação Cultural:

16:00H – Parque do Forte: Espetáculo Circo roda Ciranda (AP)

17:30h - Parque do Forte: Concentração: Pedal #VádeBike. - Vá de Bike!

19:00h – Anfiteatro da Fortaleza de São José de Macapá - #PosTv: #Musica Independente Circula Bem no Brasil?




 #Bandas que se apresentam hoje no palco do Festival Quebramar:

Com a apresentação de carismatica cantora Hanna Paulino, vocalista da banda Hidrah, essa quinta  Edição do Quebramar promete marca o ano!


20:10h – O Sosia (AP), uma das bandas destaque de 2012. Que leva um som própio e cover de clássico de cantores como Reginaldo Rossi e Roberto Carlos, abre o festival!


20:45h – Mental Caos (AP) é a segunda banda a subir no palco, a banda vencedora da seletiva do festival venceu pelo voto popular cinco bandas dentre elas nomes renomados da cena amapaense, Nova Ordem e Novos e Usados.  Na disputa de bandas do festival Quebramar que contou com a presença da banda polonesa Dead Infection.




21:20h –   Godzilla (AP), formada em 2007 e que está a um bom tempo sem se apresentar para o público de Macapá, volta nessa edição do FQ, e promete repetir o sucesso da apresentação feita por eles em 2009, com a chamada de "Oi, eu sou seu!"marcante momento de Festival.

21:55h – Matinta Perera (AP) a banda de sarava metal amapaense, com grande público seguidor promete um dos maiores show da noite.

22:30h – Stereovitrola (AP) com suas misturas eletrônicas que sempre tem agradado cada vez mais, banda que está na estrada desde 2003, sempre tem inovado nas experimentações musicais.



23:15h – Calistoga (RN) estava programada para o domingo mas se apresentou na noite de sábado, com um som post/hardcore nordestino a Calistoga tem causado a curiosidade dos amantes de Punk/Hardcore do estado, a banda surgiu no final de 2004, como um quarteto, juntos lançaram 5 EPs, sendo 4 físicos e 1 online, e tocaram em vários shows pelo Nordeste, nesse meio tempo a banda foi ganhando novas influências e uma nova sonoridade.

Calistoga



23:40h – Profétika (AP), a banda de white metal, que depois de algumas mudanças de nome volta a ser Profetika é uma das mais esperada e abre o show da grande atração, KORZUS. Mostrando o quanto tem respeito dos produtores amapense.

23:40h –  – Korzus (SP) a maior atração da noite vinda diretamente de São Paulo com uma carreira que beira os 30 anos, a banda já que tem um público grande na capital amapaense deve marca a história de grandes show na cidade. Na estrada desde 1983, a banda é bastante respeitada tanto na cena banger como na cena independente e mais underground nacional e fora do pais, como na Europa e América do Norte. Depois do protesto da banda no desatre que foi o Metal Open Air. O Korzus que sempre teve total respeito do público, porém na epoca do “Metal Open Air” isso tomou uma proporção ainda maior, pois a banda foi saudada por todos pelo profissionalismo que demonstrou ao realizar um grande show no meio de todo aquele “problema”. 

Korzus, foto de Guilherme Hozawa.
Sobre o desatrado evento, dick chegou a dizer: "Como todos sabem, a organização foi um caos tanto para as bandas e pior ainda para o público. Foi uma pena terem deixado esta mancha na história do metal nacional. O pior é que vai passar um tempo e a rapaziada vai esquecer da turma que fez essa cagada.Realmente nem a gente esperava conseguir tocar no meio daquela puta zona. Subimos no palco com sangue nos olhos e foi uma apresentação muita tensa. Mas ao mesmo tempo gratificante por poder amenizar um pouco o sofrimento do público que, aliás, se mostrou muito civilizado. Tem cara que tava há anos esperando ver a sua banda favorita, foi lá, pagou e ainda por cima pagou um sapo. Puta sacanagem! "

Dick em ação!

O Korzus sempre teve atitude de protesta  no palco desde o começo da carreira, o que pode ser percebido nos seus discos ao vivo, algo bem diferenciado em uma banda de metal, afinal uma atitude mais caracterisca das bandas de punk/hardcore e suas variações, eles com certeza tem o respeito de nomes como João Gordo (Ratos de Porão), Jão chegou a declarar a um repórter do Multishow sobre se ele era banger ou não, disse: “Eu não, do metal é ele (Dick, do Korzus). Eu sou punk”. 

Tanto que esse ano rolou a uma gravação feita pelo Korzus da musica "Anarkophobia" em um tributo ao Ratos de Porão feito com diversa bandas da cena nacional, agora resta a dúvida se eles cantam ou não a musica hoje! Enfim espere um show grandioso essa noite!


Fonte:
http://witheverytearadream.wordpress.com

Um comentário:

  1. Profetika é banda de Thrash Metal, obrigado e grande abraço!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...