domingo, 28 de novembro de 2010

Menos carne mais saúde

       O simples ato de comer pode torna-se uma ferramenta para preserva nosso planeta, porém só é possível com cada pessoa agindo individualmente e respondendo por suas ações, uma atitude em favor do coletivo.
Ou seja mais auto gestão!

Parece papo de doido mas não é veja como:

Coma alimentos produzidos na região onde você mora,assim se gasta menos transporte dessa comida de outras regiões do Brasil ou do mundo.Imagine na quantidade de gás carbono jogados no ár só para transporta esses alimentos, industrializados ou até mesmo naturais.
Procure saber de onde vem ,como é tratado o que você põe no prato quem te garante que não está com alguma bactéria ou sei lá o quê.
Reveja a sua alimentação e se reeduque parece bobagem mas muitas pessoas tem hábitos cruéis para qualquer estômago humano.
Mesmo não podendo alimentar-se só de vegetais saldavéis e frutas frescas procure aumenta-los em sua alimentação.
Enfim chego ao ponto principal...diminua o consumo de carne ,essa é ainda infelizmente o prato preferido de muita gente.
18%, da emissão de Gás Carbono se origina da pécuaria.
8% da água consumida no mudo é para esses animais beberem.
Infelizmente o numero de bovinos só tem aumentado,imagine o quanto de florestas e destruído para servir de aréas de pastagens.
Mas para colaborar não é preciso a parti de agora virar um vegetariano.Atitudes simples farão grandes diferenças, como comer carne apenas algumas vezes por semana.
Aumentar o consumo de ovos e legumes produzidos de preferência em casa a granja é outro problema a ser abordado.
Lembre-se a maioria das guerras, doenças mundiais,divisão de classe entre as pessoas foram causadas pela carne,sim!pela carne.
Aumente o consumo de milho e grãos,sempre de muito milho e arroz,cereais em geral,batatas legume e vegetais da pra viver e ser feliz! Se nossos antepassados viviam sem o Fastfood porque nós não podemos?
Já pensou como o seu bife a carne que você pode comer daqui a pouco se originou?
Provavelmente não,mas eu posso lembrar: Imagine um frango gordo,adulto,em uma gaiola de 50cm de cada lado,esse frango está acompanhado de mais 5 aves no mesmo estado que ele e do lado milhares de outras gaiolas iguais,em um lugar com pouca ventilação.
O bico dessas aves é cortado ainda bem jovens,para que comam sem seleccionar e assim engordem mais e mais.É como se você comesse tudo o que viesse pela frente sem poder escolher o que quer, apenas com uma finalidade: Engorda!
Se fazermos uma visão humana disso é como se essas aves fossem os judeus que viviam presos sem uma ideia de respirar um ár que não fosse as selas.mas no caso é pior ainda elas desde que nascem vivem assim sem uma gota de liberdade.Você de pensar são aves e fodasse e pronto mas são seres como nos e merecem viver nesse mundo também.
Onde encontra-se nossos valores! Tudo bem criar uma galinha e comer mas desde que seja mudada a forma como são criadas.
Não só aves, mas vários animais que consumimos como comida.No caso do gado é triste ver caso onde a pele do animal e arrancada ainda com ele vivo...
Mas num sistema onde tudo é mercadoria o os animais passaram a também serem mercadorias baratas e sem tratamento adequado.

450 MILHÕES de animais mortos todos os anos,40% a mais na contribuição do aquecimento global!
Desses animais mais da metade estão infectados com bactérias mortais e doenças como a hiper tensão e vírus de outras doenças que só apareceram a partir de um tempo.
A maioria das pessoas se dizem preocupadas com o meio ambiente,maus tratos dos animais,mas em casa, na vida pessoal faz alguma coisa de verdade?
"Deixar de alimentar-se de carne é um ato de coragem é ir contra a natureza humana..."
Mas esses valores foram criados por quem? Pelos seus pais ? ou por um sistema que dita o que é certo e errado...
Vai de você ler e não fazer nada afinal sua auto gestão depende de você mesmo reveja seus conceitos diante da sociedade de consumo...
Mais verde de floresta e não de pastagens

fonte de pesquisa:
Nósmesmupruduz (midia alternativa)
Revista Galileu (Fastfood)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...